24 Comentários

  1. Roberta Barros de Belém do Pará

    Boa noite, gostaria de saber onde posso ir para dar entrada na interdição dê meu pai? Somos humildes e não tenho como pagar, caso tenha que pagar algo pela interdição. Ele é alcoólatra, vive jogado pelas ruas , arruma confusão e tem alucinações após o uso do álcool. Tem sido um problema constante e desgastante pata todos. Sofremos em todos os sentidos. O que posso fazer para ajuda-lo? O governo me dá o suporte para interna-lo numa clínica? Precisamos afasta-lo de tudo. Queremos a cura, pois achamos que ele está doente.

    Responder

    1. Prezada Roberta,

      Obrigado pela pergunta e por acessar o Sacadas Legais.

      Uma das dicas que posso te dar é para ler o artigo sobre interdição no blog. Ali você já tem informações que precisa para o processo de interdição.

      Procure a defensoria pública de sua cidade e se informe melhor. O defensor é quem será o responsável para entrar com a ação de interdição de seu pai, uma vez que você não tem condições de pagar advogado particular.

      Outra coisa: o defensor também pedirá à Justiça a internação de seu pai em clínica para dependentes de álcool. O Estado não tem clínicas. O juiz pode mandar interná-lo em clínica particular.

      Abraço, sucesso e obrigado pelo interesse em nosso trabalho.

      Conheça mais do nosso trabalho no sacadaslegais.com.br

      Fabiano

      Responder
  2. Ana Paulade de Araújo Rossener de Campos

    Boa tarde !!!! O que eu posso fazer para ajudar minha mãe! Ela esta morando em um barraco onde mora bêbado etc… !! Estão sugando ela Porque ela tem dinheiro que recebe do meu vo !! Eu quero tira lá de lá! O que posso fazer para ajudar !Eu não quero nada pra mim somente o bem estar dela !Obrigada

    Responder

    1. Olá, Ana Paula!

      Obrigado pela pergunta!

      Olha, muito simples. Leve-A para morar com você ou alugue outro lugar para ela morar.

      Se ela é livre e desimpedida, e é a sua mãe, todo esforço que fizer pelo bem dela é pouco ainda.

      Se tiver dificuldades para tirá-la de onde mora, peça ajuda à polícia militar da sua cidade ou denuncie o fato de maus tratos e abusos contra ela na delegacia de idosos para conseguir tirá-la de lá com segurança.

      Abraço e boa sorte.

      Fabiano

      Responder
  3. Lucinha Oliveira

    Ola, boa tarde!
    Estou em uma situação de familia que se arrasta faz tempo.

    Fui criada desde pequena por uma tia legitima, durante os ultimos cinco anos ela esta morando sozinha na casa dela com um primo que é dependente químico. Ele faz uso de droga dentro de casa, já esta ha tempos fazendo saques na conta dela de aposentadoria, fez vários emprestimos no caixa eletronico usando a conta dela. Ela esta falida, chegando ao ponto de não ter dinheiro pra pagar as contas básicas e comprar comida. Mesmo com tudo isso ela se recusa a denuncia-lo, ir a defensoria pública ou a delegacia do idoso. Ela já pediu pra ele sair de casa mas, ele se recusa. Ela diz que sente medo dele e dorme trancada no quarto. Ela não tem nenhum problema físico ou incapacidade.

    Neste caso, caberia uma interdição, ela já tem 74 anos?

    Responder

    1. Olá, Lucinha!

      Obrigado pela pergunta!

      Olha, interdição não existe mais no direito brasileiro depois do advento do Estatuto das Pessoas Portadoras de Deficiência. Então, aconselho a você ajudar sua tia e denunciar essa situação à delegacia do idoso para ela. Procurar conversar com esse primo e tentar ver se ele se interna ou conseguirem alguma internação compulsória para ele na Justiça.

      Pense nisso… Sua tia precisa de você. Ela não vai fazer nada com 74 anos. Ajude-a.

      Abraço e boa sorte.

      Fabiano

      Responder
  4. RITA DE CÁSSIA DE ALMEIDA

    BOM DIA. SOLICITO INFORMAÇÕES: MEU MARIDO, COMO PROCURADOR DE MINHA CONTA BACÁRIA, ACABOU POR NÃO PAGAR NADA, TIREI EMPRÉSTIMO PARA AJUDAR A PAGAR CONTAS DELE, E EM OUTROS BANCOS QUE ELE ABRIU CONTA SEM EU ESTAR PORESENTE, ELE MOVIMENTOU E DEIXOU TODAS NO VERMELHO E VALORES ME ALTO À PAGAR. CEM MIL NO BRADESCO, 10 MIL NO SANTANDER E OUTRAS COM VALORES MENORES, MAS AGORA NÃO CONSEGUE PAGAR ABSOLUITAMENTE NINGUÉM, POOIS ESTÁ TODO ENROLADO. TENHO COMO RESOLVER ISSO? DEVEREI INTERDITÁ-LO? ELE AGORA FEZ MEU IORMÃO ABRIR CONTA E FEZ MEU IRMÃO ASSINAR PROCURAÇÃO PARA QUE ELE E FILHA MOVIMENTE A CONTA. ELE TEM EMPRESA E QUER FAZER ISSO PARA PODER MOVIMENTAR. ME AJUDE A EU ENTENDER ISSO, POOR FAVOR.

    OBRIGADA
    RITA

    Responder

    1. Olá, Rita!

      Obrigado pela pergunta!

      Você precisa procurar um advogado com urgência para tentar rediscutir essas dívidas bancárias na Justiça e a validade dos atos praticados pelo seu marido, que estão lhe causando prejuízos enormes.

      Infelizmente as dívidas existem e precisam ser pagas. Mas você pode negociá-las para tentar reduzir o impacto, ou, até, anular os contratos feitos por seu marido.

      Abraço e boa sorte.

      Fabiano

      Responder
      1. bruno bortot

        Meu nome é bruno bortot, sou estudante de direito, faço o 1 ano.
        só uma dúvida no caso da Rita, não tem como talvez encaixar ele como um Pródigo?

        Responder
  5. Sandro Santos

    Boa tarde.
    Minha mãe antes da doença (câncer cerebral) a deixar incapacitada me fez uma procuração pública.
    Meu pai e ela nunca tiveram bons entendimentos quanto à dinheiro. Ele sempre está endividado e sempre quiz pegar a metade da pensão e do seguro que coube a ela ref. a morte do meu irmão, a parte dela ela sempre guardou para a velhice dela.
    Ele gastou a dele toda.
    A doença progrediu ela piorou nós não estamos nos entendendo. Agora ele sem comunicar nada á interditou.
    Posso contestar isso? Reverter? Não era o desejo dela… Tenho isso dito por ela em vídeo… E nos momentos de lucidez ela ainda afirma isso.

    Responder

    1. Olá, Sandro!

      Obrigado pela pergunta!

      Você pode conseguir sim reverter isso, provando que sua mãe é capaz para os atos da vida civil, mesmo com a doença. Na verdade, hoje a interdição ela praticamente deixou de existir com o Estatuto da Deficiência.

      Procure um advogado e se informe do que pode ser feito. Se não tiver condições, vá até um dos Núcleos de Assistência Jurídica das Faculdades de Direito da sua cidade. Eles poderão ajudar a sua mãe a entrar na Justiça para anular a interdição.

      Abraço e boa sorte.

      Fabiano

      Responder
  6. kassia

    ola gostaria de saber como proceder em uma situação de herança , minha avo faleceu e deixou alguns bens mas tenho uma tia que ao longo dos anos foi se apropriando de tudo de podia mesmo minha avo estando viva e o meu pai que é o único irmão dela nao quis fazer nada a respeito o grande problema é que alem de ele não querer construir nada nao permitiu que minha mãe fizesse algo mesmo com com o dinheiro dela, agora ele tem 74 anos é cego e tem mobilidade parcialmente reduzida alem de problemas comuns da idade, a irma dele ainda ameça de tirar minha mãe da casa que ela e meu pai moram assim que ele morrer e diz que nada de herança ela vai dar ele ou ela casa um morra.

    Responder

    1. Olá! Sugiro que procure o serviço de um dos Núcleos de Assistência Jurídica das Faculdades de Direito da sua cidade e se informe com eles qual o melhor caminho a seguir.
      Se não há inventário até hoje, a apropriação dos bens por sua tia está ilegal. Ela só pode ficar com alguma coisa da sua avó se houver partilha nesse sentido. Mas seu pai e sua mãe também têm direito.
      Não perca tempo e procure ajuda!
      Abraço e boa sorte.
      Fabiano

      Responder
  7. Tamara

    Quero.saber se posso interditar meu pai,pois vive gastando o.dinheiro.com.umas.mulheres q arrumou.e minha mãe que é idosa tem.77 anos e nao tem.nenhuma.renda vive passando.necessidades,e ele nao ta nem ai so vive fazendo dividas em nares,dando as coisas para elas que so querem sugar o q ele tem q ja nao é muito,ele.mente dizendo que recebe um valor em dinheiro e recebe outro valor maior…me ajudem por favor…sera q nesse caso consigo interdita-ló?

    Responder

    1. Olá. Acho pouco provável que consiga interdita-lo. Ele é lúcido, não parece estar doente mental e tem noção clara do que está fazendo.
      Como pródigo você pode tentar, mas a lei mudou e isso não é mais causa de interdição, a não ser que consiga laudo psiquiátrico de que ele não consegue gerir seu patrimônio sozinho.
      Abraço

      Responder
  8. Kamila Martins Vieira

    Olá!
    Meus avós estão muitos doentes e não querem vir mora na cidade.
    Já tentamos fazer de tudo mais não da jeito, o meu avô só fica fazendo dívida …. nos bancos.
    A médica já falou pra eles q eles não tem mais saúde pra ficar trabalhando em sítio… Oque eu posso fazer? Obrigado

    Responder

    1. Olá. Se eles não querem ir para a cidade e ainda estão lúcidos, não há muito o que fazer a não ser respeitar a vontade deles.
      Mas se não tiverem condição de gerir os negócios e a vida civil deles sozinhos mais, pode-se tentar uma interdição temporária ou definitiva de direitos e você ser a curadora deles para os atos da vida civil.
      Abraço

      Responder
  9. Rogerio

    Fabiano boa tarde , gostaria de saber quanto tempo é o prazo para o juiz interditar a pessoa ?

    Responder

    1. Olá. Não há prazo certo para interdição.
      Depende da complexidade do caso, das provas trazidas no processo (quanto melhores e mais completas menos tempo leva para acabar).
      Abraço

      Responder
  10. Nathalia

    Bom Dia!!!
    Minha mãe e dependente de drogas e esta morando na casa de um namorado que também usa!
    Já internamos ela só que voltou a fazer tudo de novo e não quer saber de ajuda!
    Eu posso interditar ela?
    Ela perdeu tudo q tinha (casa,carro etc.. eu e meus irmão estamos desesperados e com medo de perde ela pra drogas nos ajude por favor).

    Responder

    1. Olá. Há um chance de interdição sim.
      Tem que juntar laudos psiquiátricos e de assistente social comprovando falta de condições plenas de não administrar a vida civil, social e econômica dela.
      Entre com ação de interdição com advogado ou defensor público.
      Abraço.

      Responder
  11. Cleonice Martins de Melo Santos

    Boa noite
    Gostaria de saber se posso interdição de uma irmã que é procuradora de minha mãe.
    Mas ela anda fazendo imprestimo na conta salário que minha mãe recebe do meu pai falecido.E fiquei sabendo que ela aposentou com problemas psiquiátricos. Será que posso pedir interdição dela.

    Responder

    1. Olá. Como vai você? Obrigado por visitar nosso blog.
      Olha, o tema que precisa de ajuda já foi abordado por mim em vídeo na página do Sacadas Legais no Facebook.
      Procure o vídeo “10 Perguntas Mais Frequentes” e obtenha a resposta para a sua dúvida.
      Importante te falar que nossa missão é dar um direcionamento inicial para você que nos manda uma dúvida e te orientar sobre o que fazer e aonde ir.
      NÃO vamos aqui resolver seu problema, mas te dar um primeiro acolhimento à sua dúvida. Beleza?
      Em 2017, as dúvidas serão respondidas por VÍDEOS colocados principalmente na página Sacadas Legais do FACEBOOK. Visite a gente por lá, ok?
      Abraço e felicidades para você.

      Fabiano Leitoguinho

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *